A Abralog faz com a Afilog, seu primeiro webinar de logística internacional

A logística urbana de Brasil e França, tema do primeiro webinar internacional realizado pela Abralog, reuniu nesta quinta-feira, 15.10.2020, logísticos dos dois países, por meio da Associação Brasileira de Logística,  e da Afilog, associação francesa do setor. O evento representou a primeira atividade da parceria internacional celebrada recentemente pelos dois parceiros.

Pelo Brasil participaram o Presidente da Abralog, Pedro Moreira, Hugo Yoshizaki, Coordenador  do Centro de Inovação em Sistemas Logísticos, da USP, Mauro Dias, CEO da GLP Properties, e Marcelo Arantes, Diretor-executivo de Supply Chain do Grupo Pão de Açúcar.

O lado francês foi representado por Paulo Ferreira, Vice-presidente da Afilog, (foto) a Professora Laetitia Dablanc, Diretora de Pesquisa na Universidade Gustave Eiffel/IFFSTAR, Bénédicte Guilleux, Diretora Executiva do Intermarché, Jean-Paul Rival, Diretor geral do Concerto, e Patrick Remords,  Diretor de Supply Chain e Soluções Logísticas da JLL.

Na abertura, houve duas apresentações sobre logística urbana,  na França,  e no Brasil – falaram Laetitia Dablanc (foto abaixo), e Hugo Yoshizawa. Os demais participantes responderam a perguntas formuladas pelos dois moderadores, Paulo Ferreira, da Afilog, e Pedro Moreira, da Abralog. Ao final, Paulo Ferreira, Vice-presidente da Afilog, declarou estar muito satisfeito com o evento e orgulhoso desse primeiro webinar ter sido feito com o Brasil. “Foram discussões valiosas, e teremos novas iniciativas pela frente”, disse.

Pedro Moreira, presidente da Abralog, anunciou duas novas ações: a primeira, ainda este ano (provavelmente um webinar sobre distribuição urbana) e, em 2021, pós-vacina, missão avançada para estudar os principais sucessos da logística francesa, e também o reverso – visita dos franceses para ver como um País, da dimensão do Brasil, organiza-se em termos de logística. Ele se disse muito satisfeito com os resultados:

“O evento foi fantástico, uma experiência muito boa. Vimos duas entidades sólidas, com amplo conhecimento da logística, da cadeia de suprimento, e das realidades dos dois países. Pudemos abordar a pandemia nos dois países, como a logística reagiu, o protagonismo  da digitalização, em função do isolamento social, abordamos também o e-commerce mudando a logística das organizações, falamos ainda de Real Estate, da distribuição urbana, um setor de extrema relevância, enfim, tocamos em desafios enfrentados pelas duas nações”.

Segundo Moreira, para a Abralog ficou claro que será possível ampla troca de experiências, e daqui para a frente o caminho será a realização de mais eventos, provavelmente, um encontro para discutir a distribuição urbana, ainda este ano, pois trata-se de área muito relevante, com problemas críticos dos dois lados, e, igualmente, soluções eficientes. “Para o próximo ano, dependendo da vacina, queremos realizar missões de estudos avançados, levando uma delegação de brasileiros à França, e uma deles, aqui, para que possam ver como o Brasil, com a dimensão que tem, consegue fazer o País ir e vir, como se viu nesta pandemia”.

Entregas noturnas, e-commerce e novos prédios – Mauro Dias, CEO da GLP, entre seus comentários no webinar, lembrou que o e-commerce no Brasil, em função do crescimento destes últimos meses, vai necessitar neste ano de 1 a 1,5 milhão de m2, para acomodar esse avanço. Também falou sobre tendências na área de Real Estate, como a verticalização de galpões,

Hugo Yoshizaki, do Centro de Inovação em Logística da Universidade de São Paulo, apresentou em sua fala o projeto-piloto de entregas noturnas em São Paulo, com resultados muito animadores, ação que contou com participação da Abralog. O coordenador do Centro de Inovação em Sistemas Logísticos, da USP, disse que as cidades vão continuar atraindo mais pessoas, e chamou a atenção para o fato de a resolução dos problemas logísticos desses centros não ser questão trivial. “A logística urbana é fundamental para a economia”, lembrou. “A tecnologia vai ajudar, mas não pode fornecer respostas completas”, ponderou.

Marcelo Arantes, do Pão de Açucar, falou sobre o comportamento do varejista durante a pandemia, com crescimento de 6 pontos percentuais no e-commerce, e informou que no momento o grupo se dedica a modernizar suas dependências logísticas, para transformá-las em galpões Classe A.

Parceria importante – Após o webinar, Marcelo Arantes (foto), fez avaliação sobre o evento e a decisão de firmar a parceria: “Realmente achei que foi um grande passo essa associação entre as duas entidades, o que possibilitou termos um grande intercâmbio de boas práticas e informação, e abriu horizontes para maneiras diferentes de resolver problemas. A abertura dessa relação vai trazer muitos benefícios, não só para as duas entidades, mas para todos os participantes, e ainda conteúdo importante para setores que cuidam da melhoria infraestrutura logística nos dois países”, afirmou.

 



Deixe uma resposta