Dia da Logística

A hashtag #obrasilprecisadelogistica foi a mensagem escolhida pela Abralog para o Dia da Logística de 2018, comemorado com um jantar na Fiesp, a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo.

No evento deste ano a Abralog lembrou datas de aniversário de fundação de associados com grande participação na história da logística nacional, como o Grupo Pão de Açúcar, que chega aos 70 anos.

“O GPA foi a primeira grande rede de supermercados brasileira. Sua Logística, de primeira linha, é referência e sinônimo de eficicência”, disse o presidente da Abralog, Pedro Francisco Moreira, para complementar: ” o Pão de Açúcar faz parte da memória afetiva de todos nós”.

Criada há 40 anos com a finalidade de guardar carne congelada para formação de estoques reguladores, a Friozem transformou-se em referência num mercado onde o Brasil tem grande prestígio. Fernando Perdigão (foto ao lado) agradeceu a homenagem pela empresa.
A terceira homenageada foi a Autotrac, fundada 25 anos atrás por Nelson Piquet, que anteviu o valor e importância da tecnologia aplicada à logística. Piquet, gênio das pistas e nosso primeiro tricampeão de Fórmula 1, ergueu uma das mais admiradas empresas de nosso segmento. Adilson Mota (foto ao lado) recebeu a homenagem.

Parceria UBM fará summit para elite do supply chain
O evento que comemorou o Dia da Logística foi realização da UBM Brazil, parceira que faz o mais importante evento da logística brasileira, a Intermodal South America, da qual a Abralog é o braço logístico. Renan Joel (ao lado), diretor da Intermodal, anunciou durante o Dia da Logística a realização de um summit, em novembro, destinado à discussão do supply chain brasileiro nos próximos anos, do ponto de vista da tecnologia e do pessoal que vai operar esse novo marco tecnológico que está por vir.

FIESP, um privilégio
Ao iniciar a cerimônia do Dia da Logística, o presidente da Abralog Pedro Francisco Moreira disse ser um grande privilégio ” estarmos aqui na Fiesp, uma Casa que nos acolhe há anos com generosidade e cortesia”. Vitor Hajjar, diretor da Cadeia Produtiva do Esporte da Fiesp, saudou os visitantes e lembrou que a Fiesp via com importância receber o segmento de logística em suas instalações.

Uma crise a mais no caminho da logística
Em seu discurso, Pedro Francisco Moreira lembrou que nos últimos anos, sem exceção, os logísticos têm enfrentado graves problemas decorrentes da conjuntura econômica e política do País. “Desta feita não é diferente: quando nos preparávamos para retomar cuidadosamente o caminho do crecimento, o País parou em função dos caminhoneiros, que resultou num brutal prejuízo que ninguém ainda sabe avaliar ao certo”.

Moreira lembrou que em 11 dias, o Brasil descobriu a importância da logistica pelo caminho mais doloroso, o desabastecimento. “O Brasil ficou sabendo da fragilidade de nossa Matriz de Transporte. E descobriu que sem o uso das ferrovias, das hidrovias, da cabotagem continuaremos a pagar preço muito alto, pois seguiremos sendo ineficientes e sujeitos a novas greves como essa”.

Ao lembrar que tais acontecimentos não foram surpresa para os logísticos, garantiu que a Abralog vai continuar insistindo com todas as suas forças nessa que é uma de suas principais metas: a Multimodalidade. “Enquanto não tivermos a Multimodalidade, o Custo Brasil jamais vai se transformar em Lucro Brasil”.

Para finalizar, o presidente da Abralog disse que a mensagem da Abralog era de fé e esperança no futuro, porque, como disse “#obrasilprecisadelogistica”

Acordo é assinado para melhorar paletização no Brasil
Ao final da cerimônia do Dia da Logística, Abralog e a Anapem (Associação Nacional dos Produtores de Paletes e Embalagens de Madeira) assinaram acordo de cooperação técnica para aprimorar no País a eficiência tanto da distribuição paletizada quanto a por meio de outras plataformas. O objetivo é utilizar a expertise de ambas as entidades para o desenvolvimento de embalagens, paletes e contentores, itens fundamentais para a eficiência logística, principalmente pelo caráter estratégico que têm na distribuição. Assinaram o acordo (foto) Pedro Francisco Moreira pela Abralog e Marcelo Canozo, pela Anapem.



Deixe um comentário