Nova pesquisa CNT mostra que crise continua a afetar demanda e faturamento

A CNT acaba de divulgar os resultados da 4ª rodada da Pesquisa de Impacto no Transporte Covid-19. Essa nova fase mostra que, após quatro meses de pandemia, as empresas de transporte ainda enfrentam forte queda de demanda e do faturamento. Com dificuldade de acesso a crédito, recorrem a linhas com os juros mais altos do mercado. Clique para acessar o levantamento 

Seguem os principais resultados:

– 74,6% dos transportadores tiveram redução de demanda em junho;
– 79,8% projetam impactos negativos da crise por, pelo menos, mais quatro meses;
–  41,8% afirmam que a capacidade de pagamento está muito comprometida. Há dificuldade para manter gastos com folha de pagamento, parcelas de financiamento, tributos, aluguéis, entre outros;
– 34% precisaram recorrer ao crédito rotativo desde o início da pandemia.



Deixe uma resposta