terça-feira, 16/08/2022

ASSOCIE-SE

spot_img

Postalgow cresce 80% ao ano com Logística Reversa Inteligente “End-To-End”

Focada nos segmentos de Telecomunicações e Meios de Pagamento, empresa planeja conquistar espaço no setor de e-commerce ainda este ano

Com crescimento médio de 80% ao ano desde sua fundação, em 2017, a empresa brasileira Postalgow, especializada em Logística Reversa Inteligente “End-to-End”, só tem razões para comemorar. Posicionada em nichos específicos e muito promissores (Telecomunicações e Meios de Pagamento), a companhia avança graças às tecnologias desenvolvidas internamente com o objetivo de operacionalizar os fluxos e tornar ainda mais rentável a prática de reparar e reutilizar modens, decoders de TV e máquinas de cartão.

Entre os clientes da Postalgow, destacam-se grandes cases de sucesso no segmento de telecomunicações, tais como Vivo, Claro e Sky. “Nosso trabalho é recolher equipamentos na casa dos clientes e reformá-los para que tenham suas vidas úteis prolongadas. Os nossos produtos reparados saem novinhos, com 100% de qualidade, pois passam por uma inspeção rigorosa de qualidade”. Ele acrescenta: “Temos também, sem nenhuma dúvida, a maior taxa de recuperação do mercado brasileiro, tanto na coleta quanto no serviço de reparo”, afirma Carlos Tanaka, CEO da Postalgow.

Tanaka, que atuou como executivo de grandes companhias do setor logístico durante 25 anos, revela que o negócio da Postalgow encontra-se em ascensão por vários motivos: além de alta performance e qualidade de serviços, a PostalGow tem proporcionado economia significativa às empresas. “Ao invés de investir em novos aparelhos, empresas tem intensificado o serviço de coleta e recondicionamento, o que garante redução de custos acima de 50%, além de melhoria no fluxo de caixa. Mudar a matriz financeira de Capex para Opex pode ser extremamente vantajosa, mais acentuado atualmente com o dólar alto e dificuldade de importação desses produtos com a pandemia”, explica ele.

Além disso, o executivo destaca que a prática de recondicionamento de equipamentos eletrônicos fortalece os negócios porque é benéfico para o planeta. “As grandes organizações acabam colhendo os frutos por atuarem em prol da sustentabilidade, sobretudo em termos de imagem”, afirma ele.

Uma pesquisa realizada pela Aberje indicou que 74% das empresas adotam iniciativas de sustentabilidade para reforçar sua reputação. O estudo contou com a participação de 105 empresas (nacionais e multinacionais) com mais de 3 mil funcionários. “Sentimo-nos muito orgulhosos por permitir que os equipamentos tenham maior tempo de vida útil. Sabemos o quanto isso é relevante, tanto por questões de preservação do meio ambiente, quanto por economia”, diz Tanaka.

Com sede em Barueri (SP), a Postalgow possui uma área de armazenagem equivalente a 20 mil m² e cerca de 20 mil posições pallets no estoque. A empresa possui capacidade para reparar 70 mil equipamentos por mês e conta ainda com 400 bases de coleta. “Nosso objetivo é sempre buscar a solução mais inteligente para recolher os equipamentos, o que significa fazer a coleta por caminhão, carro, moto e até bicicleta”, informa o executivo, salientando que a parte de transportes é terceirizada, o que garante flexibilidade de capacidade e mallha logística, além de produtividade.

Conforme o CEO explica, a empresa conta com diferentes plataformas tecnológicas para atender as necessidades dos clientes – o que contribui efetivamente para o sucesso da operação. “Este é um de nossos diferenciais: atuamos com tecnologias que permitem a rastreabilidade e o controle dos equipamentos, desde a coleta até o reparo e devolução ao cliente”.

O objetivo da Postalgow é consolidar-se como líder de Logística Reversa “End-to-End” no segmento de Telecomunicações, onde já marca presença importante, e ampliar a participação no setor de Meios de Pagamento. O próximo passo, que deve ser dado ainda em 2022, é expandir a atuação da empresa para a logística reversa de e-commerce, uma vez que a empresa já possui malha de coleta.

“Vivemos um momento muito positivo e com uma tendência de ascensão. Inclusive, estamos em processo de uma primeira rodada de investimentos para escalar nosso crescimento”, finaliza o CEO da Postalgow, acrescentando que, este ano, mais uma vez, a empresa vai crescer no mínimo 80%.

Foto: Divulgação

Matérias Relacionadas

Abralog nas Redes
spot_img

Últimas Matérias