terça-feira, 23/07/2024

ASSOCIE-SE

Termotécnica além das fronteiras na logística reversa

Expandindo a sua atuação nos mercados internacionais, principalmente com as conservadoras FarmFresh para exportação de frutas brasileiras, a Termotécnica apresenta o Portal Recycle EPS. No portal sobre reciclagem RecycleEPS.com estão disponíveis informações sobre o que é e como fazer o descarte correto do EPS/Isopor*, além de apresentar, por meio de um mapa dinâmico, onde encontrar os pontos de coleta mais próximos espalhados no exterior, como nos países Inglaterra, França e Holanda.

“Queremos levar a conscientização para a destinação correta e reciclagem deste material para outros mercados. Com recicladores parceiros em outros países, juntos podemos expandir o processo de logística reversa e reciclagem do EPS, fazendo a economia circular acontecer na prática”, afirma Albano Schmidt, presidente da Termotécnica, uma das maiores indústrias transformadoras de EPS da América Latina, pioneira e maior recicladora desse material pós-consumo no Brasil.

Desde que iniciou o trabalho junto aos exportadores de frutas, a Termotécnica faz parte da Global Packaging Alliance, uma parceria global para a reciclagem de embalagens. Em cinco anos já são mais de 1,2 milhão de conservadoras FarmFresh utilizadas na exportação de mais de 5 mil toneladas de frutas premium brasileiras como manga, uva, limão e lima, pitaya, figo, mamão, goiaba, maracujá, lichia, atemoia, para países de toda a Europa, como França, Espanha, Portugal, Inglaterra, Áustria, e também para o Oriente Médio, Rússia, China e Canadá.

Cases de reciclagem na França e na Inglaterra

Um aspecto imprescindível para atender ao mercado externo é a preocupação com a sustentabilidade. Questões como economia circular (logística reversa e reciclagem das embalagens pós-consumo), diminuição do desperdício de alimentos em toda a cadeia e redução das emissões de CO2 no transporte são cada vez mais importantes.

A Termotécnica é um dos fornecedores parceiros da Fermac Cargo, que passou a integrar o Programa Corporativo SAF – Combustível Sustentável de Aviação – da Air France KLM Martinair Cargo – um marco que simboliza a busca por uma aviação mais sustentável. Por meio do SAF há uma redução de CO2 em torno de 102.070 kg nas três rotas principais utilizadas na exportação de frutas brasileiras para a Europa na parceria da Fermac com a Air France KLM Martinair Cargo.

Remessas de manga do produtor brasileiro Happy Fruits realizadas pelo importador e distribuidor de frutas europeu Capexo a bordo de aeronaves “eco friendly” da Air France foram enviadas à Paris em conservadoras FarmFresh. Fabricadas em EPS, as soluções FarmFresh têm um peso 60% menor do que as caixas de papelão, o que pode reduzir em até 6% o custo do frete aéreo, gerando economia significativa em toda a cadeia e diminuindo assim as emissões de CO2 no planeta.

Mas o que fazer com as conservadoras após o seu uso? Com o compromisso de fechar todo o ciclo de logística reversa, a Termotécnica fez uma parceria com a recicladora ECO 2PR, da França, para a coleta das embalagens destas remessas.

Outro exemplo bem-sucedido deste processo de logística reversa e reciclagem é na exportação de Limão Tahiti do Brasil para o Reino Unido. O modelo de economia circular já é adotado para as conservadoras FarmFresh onde as frutas passam pelo processo de embalamento e acondicionamento e seguem via frete marítimo para o Reino Unido. A Termotécnica fornece a relação de recicladores locais para o importador. Este, por sua vez, negocia a venda para um destes recicladores que coletam as embalagens pós-consumo na importadora e realizam a sua reciclagem, ou seja, a economia circular acontece na prática.

Reconhecida no Brasil e internacionalmente como uma empresa ambientalmente responsável, a Termotécnica realiza a economia circular na prática. Contando com o envolvimento de parceiros em toda a cadeia de exportação de frutas que utilizam as conservadoras FarmFresh, a Termotécnica fecha o ciclo de logística reversa com a destinação correta e reciclagem das embalagens pós-consumo nos países de destino. “O mundo e os mercados estão cada vez mais exigentes quanto à pegada ambiental das empresas e estamos comprometidos com esta agenda apresentando soluções que estão em linha com essas demandas”, afirma o presidente da Termotécnica, Albano Schmidt.

Compromisso com a agenda 2030 da ONU

Como signatária do Movimento Nacional ODS – Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU – Organização das Nações Unidas, a Termotécnica reforça a sua atuação responsável e sustentável junto ao mercado, clientes, colaboradores e sociedade, contribuindo para o alcance das metas da Agenda 2030.

A atuação da Termotécnica tem especial alinhamento e compromisso com o ODS 12 relativo à Produção e Consumo Sustentáveis, onde as metas fixadas para o ano 2030 são: reduzir pela metade o desperdício de alimentos nas vendas do varejo e nas cadeias produtivas e de abastecimento e reduzir a geração de resíduos através de atividades de prevenção, redução, reciclagem e reutilização.

Fotos: Divulgação

Matérias Relacionadas

Abralog nas Redes

Últimas Matérias