quarta-feira, 22/05/2024

ASSOCIE-SE

Porto de Vila Velha tem nova rota comercial para a China

Em uma operação inédita no Brasil, o Terminal Portuário de Vila Velha (TVV), localizado no Espírito Santo,  Terminal Portuário Multipropósito da Log-In Logística Intermodal, grupo de soluções logísticas, movimentação portuária e navegação de Cabotagem, Mercosul e Feeder, além de operações na ponta rodoviária, e a Cosco, Grupo de Transporte Marítimo da China Ocean Shipping, acabam de anunciar uma nova rota comercial para a China, cujo principal objetivo será facilitar a importação de carros elétricos para o país.

O lançamento oficial da operação aconteceu durante evento realizado nesta terça-feira, (29/08), no Terminal de Vila Velha (TVV), que contou com a presença do Vice-governador Ricardo Ferraço, do prefeito de Vila Velha Arnaldo Borgo Filho, além de outras autoridades e representantes do TVV e da Cosco.

O TVV opera com embarque e descarga de navios, bem como com a movimentação e armazenagem de contêineres e dos mais diversos tipos de carga, e é administrado pela Log-In Logística Intermodal. O novo serviço de transporte de veículos elétricos no modelo Flat Rack, ideal para grandes cargas, realizado em parceria com a empresa chinesa Cosco, é inédito no Brasil.

Em toda a América do Sul, apenas o Chile e Equador já oferecem essa operação, que chega como uma alternativa à escassez de navios especializados para transporte de veículos, principalmente os que fazem trajeto para a China, e ainda visa fomentar a economia e os negócios Brasil-China, com a entrada de carros elétricos chineses de forma exclusiva por Vitória (ES).

De acordo com o Diretor de Terminais da Log-In, Gustavo Paixão, as principais montadoras do mundo já não têm mais projetos de fabricação de veículos com combustível fóssil após  2035, o que torna os carros elétricos uma inovação do presente e, certamente, do futuro. “O TVV agora será parte importante no desenvolvimento desse mercado e da economia, com a geração de empregos e maior arrecadação para o Estado”, afirma Paixão.

Projeto piloto

O projeto piloto da nova operação começou a ser desenvolvido em dezembro de 2022, contando com 600 carros já na primeira descarga no Espírito Santo. Com o sucesso dos testes e crescimento da operação, que transportou 8 mil veículos importados até junho deste ano, o serviço passa agora a ser oficial e a expectativa é dobrar o volume de carros elétricos transportados nos próximos seis meses.

“Os testes serviram para compreender o melhor formato da operação, bem como a movimentação do mercado, para que pudéssemos oficializar o serviço, que impactará positivamente o desenvolvimento econômico não só do Espírito Santo como do país como um todo”, comenta Helder Marques da Cosco.

Nova rota

O Gerente Comercial da Log-In, Marhmed Hashemj , conta que para garantir o sucesso da nova rota comercial, a frota foi atualizada com navios mais modernos e mais eficientes em consumo, velocidade, espaço de armazenamento e segurança.  “Basicamente, esses navios transportam máquinas e carros em contêineres tradicionais ou Flat Rack, mas também conjugam com outras operações do porto, como a exportação de granito, que já ocorre há mais de 10 anos. Desta forma, é possível explorar a operação de logística reversa, fomentando o comércio entre Brasil e China”, explica.

Hashemj salienta ainda que a parceria é uma oportunidade de potencializar a economia local. “O Espírito Santo é um grande exportador de celulose e granito, mas esses navios partiam para a China carregados e retornavam vazios, então agora esse gargalo foi aproveitado para desenvolver uma rota inédita e exclusiva de importação China-Brasil”, ressalta.

O principal desafio para o lançamento da nova operação foi, inclusive, seu ineditismo, que demandou ajustes. “Cargas de alto valor, como carros que custam em média 300 mil reais, requerem aparatos e cuidados de segurança muito mais robustos, a fim de evitar acidentes e avarias, mas graças à expertise que o TVV já tinha com grandes içamentos foi possível garantir o sucesso do novo serviço com qualidade e segurança”, completa o Gerente Comercial da Log-In.

A nova rota e a parceria com a Cosco só foram possíveis pelos investimentos recentes aplicados no Terminal, algo em torno de 150 milhões de reais, que garantiram a modernização dos equipamentos e aplicação de novas tecnologias, fato que nos confere uma operação mais segura, ágil e eficiente.

Foto: Marcio Auriema

Matérias Relacionadas

Abralog nas Redes

Últimas Matérias