Logística e Farmacêutica

O Comitê de Logística Farmacêutica atua num dos segmentos mais importantes da economia brasileira e, ao mesmo tempo, um setor que demanda muito conhecimento logístico em função da complexidade da cadeia de abastecimento.

O comitê se reune uma vez ao mês e após debate dos temas definidos faz reunião aberta. A primeira está prevista para agosto de 2015 e o assunto será Rastreabilidade. Entre as grandes preocupações da área de fármacos está a rastreabilidade dos medicamentos, que terá de estar “rodando”em 2016.

A logística tem papel fundamental na manutenção da integridade dos medicamentos até que cheguem ao cliente final. Além disso, existem, ainda, diferentes complicadores da logística como a extensão geográfica, concentração das indústrias em determinadas regiões, infraestrutura, clima, sem falar na exigente regulação do setor.

A indústria Farmacêutica tem uma regulação exigente e especial, pela sua importância na saúde publica, e a logística e o transporte são responsáveis solidários. No Brasil, a Anvisa, Agencia Nacional de Vigilância Sanitária, criada na década de 90, estabelece estas normas.

O Comitê de Logística Farmacêutica da Abralog surge para expor assuntos atuais e discutir abertamente as dificuldades desse setor, procurando contribuir com a melhoria da cadeia logística nacional do setor.